Juiz de Fora / MG - sexta-feira, 24 de novembro de 2017

CONSULTA MÉDICA HOMEOPÁTICA

                             

O que é uma consulta médica?
Consultar um médico significa obter informações a respeito de algum problema de saúde. Você será questionado sobre uma série de coisas e deve dar as respostas bem objetivas e sinceras sobre o problema em questão. Veja algumas dicas para uma boa consulta.

Horário
Nunca chegue atrasado. Você certamente estará atrapalhando outras pessoas. Da mesma forma chegar muito adiantado também poderá causar transtorno nas acomodações e horários de funcionamento do consultório. Programe-se para chegar na hora marcada.
IMPORTANTE: Caso, por algum imprevisto, não possa comparecer a consulta, ligue com antecedência para o consultório para que não haja prejuizo na agenda do profissional e para que se possa remarcar de imediato uma nova data de consulta para você não havendo assim ,prejuizo no acompanhamento de seu caso!

Acompanhantes
O acompanhante só é necessário se puder dar informações úteis sobre o paciente. Caso contrário, pode haver até um certo constrangimento na presença de acompanhantes não familiarizados com o problema.

 
Cronologia
Procure fazer um resumo do seu problema antes da consulta. Coloque os fatos em ordem cronológica, do início do quadro até o dia da consulta. Se possível escreva, para não esquecer.


Exames
Leve todos os exames relacionados à sua doença atual. Nunca jogue fora exames antigos, mesmo os normais. É muito importante saber que, naquela época, você estava bem. Assim, o médico pode ter uma idéia aproximada da época de instalação da doença.

Dúvidas
Esclareça todas as suas dúvidas na consulta. Se precisar, anote o que o médico lhe disse, para evitar telefonar e perguntar o que já foi discutido.

Lembre-se
O resultado do tratamento depende de você, de suas informações, de sua dedicação em tomar a medicação e dos cuidados recomendados.
 

       A consulta nédica homeopática difere da consulta médica convencional em sua anamnese porque é de interesse do médico homeopata,não só as informações convencionais sobre a doença mas também conhecer o paciente de uma forma global já que é necessário esse conhecimento para a escolha correta do medicamento.  Trabalhamos com a Lei da Semelhança, ou seja, o medicamento que provoca sintomas em pessoas sadias nas experimentações, são capazes de anular esses sintomas nas pessoas doentes . Esses sintomas incluem não só manifestações físicas mas também emocionais e portanto temos que conhecer o paciente também a esse nível.

     Vejam alguns exemplos de perguntas que são feitas em uma consulta homeopática e portanto o que interessa para o médico no paciente:

 

Modelo de questionário homeopático
================================
1 Identificação
------------------------
· Nome, nascimento, idade, sexo, cor, nacionalidade, Estado civil, escolaridade, profissão, religião, endereço , telefone. Email.                                                             ----------------------------------
2 Motivo da consulta
-----------------------------------------

3 História da doença atual
-------------------------------------------
1. Quando começou sua doença?
2. Como começou ?
3. Como os sintomas foram aparecendo?
4. Que tratamentos fez?
5. Como estava sua vida, na época do aparecimento da doença? (identificar as perdas ou ameaças de)
--------------------------------------------------------
4 Antecedentes pessoais e familiais
--------------------------------------------------------
1. Que doenças teve na vida? Cirurgias? Vacinas?
2. Como tratou e se resolveram?
3. Como afetaram você? (importância; significado; momento de vida; mudanças no estado mental).
4. Quais as doenças mais comuns nos familiares?
------------------------------------------------------
5 Investigação dos sintomas locais
-------------------------------------------------------
1. Sente dor em alguma parte do corpo?
2. Tem algum tipo de sensação diferente?
3. Tem outras queixas, que não tenha relatado?
--------------------------------------------------------------------
6 Investigação dos sintomas físicos gerais
-------------------------------------------------------------------
1. Que coisas gosta mais de comer?
2. O que não pode faltar?
3. O que não come de jeito nenhum?
4. Como é o apetite?
5. ...e sede?
6. Como é seu sono?
7. Em que posição costuma dormir?
8. Como acorda?
9. O que interrompe seu sono?
10. Como é sua transpiração?
11. Em que partes transpira mais?
12. Quando teve a primeira menstruação.
13. A cada quanto tempo menstrua?
14. Como é sua menstruação?
15. ..e sexualmente?.
--------------------
Modalidades
1. O que lhe faz adoecer?
2. Qual o momento nas 24 horas do dia em que se sente menos bem?
3. O que sente antes, durante e depois de comer?
4. Que alimentos lhe fazem mal e por quê?
5. Algum tipo de bebida lhe faz mal?
6. Qual a estação do ano que se sente menos bem?
7. Que sente no tempo frio, quente, seco, úmido, nublado?
8. Que sente com as mudanças do tempo? Frio para calor. Calor para frio.
9. Como suporta o calor e o frio em geral?
10. ..e diferenças de temperatura?
11. Que sente antes, durante e depois de tempesta-des?
12. Resfria-se com facilidade? (circunstâncias)
13. Que efeito tem o sol? Já teve insolação?
14. Como afeta o ar livre?
15. Como reage ao vento em geral? Vento frio?
16. Como se sente ao tomar banho? Frio, quente.
17. Qual a influência da lua? Luar e fases da lua.
18. Seus sintomas apresentam alguma periodicidade?
19. ..Lateralidade? (lado do corpo)
20. Tem alguma secreção ou corrimento?
------------------------------------------------------------
7 Investigação dos sintomas mentais
------------------------------------------------------------
Relato espontâneo
1. Fale sobre você... como você é... etc.
·  Experiências desagradáveis ou traumáticas de sua vida; maiores alegrias e realizações.; motivos emocionais de suas dificuldades atuais; recordações da infância; traumas, fantasias não realizadas; ambiente familiar; Personalidade dos pais, irmãos, amigos; problemas anteriores: Angústias, aborrecimentos, mágoas.; que gostaria de mudar em sua vida.
--------------------------------
Questionário setorial
1. Quem você acha que é? Como se descreveria?
2. O que mais gosta em você?
3. O que mudaria em você, se pudesse?
4. O que não tolera nas pessoas?
5. O que não gosta em sua vida?
6. Com o que está descontente?
7. Que fantasias vêm à cabeça, quando está sozi-nho?
8. O que costuma sonhar?
9. O que deseja da vida, de si, ...dos outros?
10. O que não gosta nos outros? Em si?.. na vida?
11. Como é sua força de vontade? Como decide?
12. Quais as suas motivações na vida?
13. Quais as circunstâncias emocionais, em sua vida, que o fizeram adoecer?
14. Que situações afetam você de alguma forma? (incomodam, perturbam, ofendem)
15. Que efeito tem, ser consolado?
16. ... e ser contrariado?
17. Que situações o deixa ansioso ou preocupado?
18. Que medos tem ou teve na vida?
19. Quando e como sente-se culpado? (recrimina-se; obrigações que acha que não tem cumprido)
20. Como faria um balanço de sua vida?
21. Quais as situações em que se sente ameaçado?
22. Como demonstra o afeto?
23. Quais os sentimentos que predominam em você? (egoísmo, orgulho, egolatria, desprezo, inveja, ciúme, ódio, vingança, mágoa, humilhação, res-sentimento, cobiça, gratidão, abandono)
24. De que sente saudades?
25. Quais suas carências?
26. Quais foram suas maiores perdas e como reagiu?
27. Em que situação sente ou sentiu-se humilhado, desprezado, inferiorizado?
28. Como é habitualmente seu estado de humor?
29. Quando sente alegria, irritabilidade, tristeza, in-diferença?
30. A vida sexual é satisfatória? (Conflitos; desejo; orgasmo)
31. Quais são suas idéias e sentimentos religiosos? prática?
32. Quais os traços mais marcantes de seu caráter?
33. O que falam de você? (elogiam, reclamam).
34. Como lhe afetam: o passado; futuro e o presen-te?
35. Como sente o passar do tempo?
36. Como é seu senso de dever e responsabilidade?
37. Em que ocasiões sente ou sentiu insegurança?
38. O que o deixa agressivo?
39. Como manifesta a agressividade?
40. Como controla os impulsos?
41. Como você faz as coisas? (pessoa ativa; industriosa; conscienciosa; calma; pressa)
42. Como é sua concentração?
43. Em que ocasiões sente-se embotado? (dificuldade de compreensão; lerdeza mental; aptidões).
44. Em que ocasiões tem pensamentos ruins? (Quais; o que costuma pensar; como surgem)
45. Como é sua memória? Para que, está fraca?
========


Apêndice


· Relatar, para cada sintoma das partes: a causalidade; agravações e melhorias; horário; os concomitantes. O início - curso - desaparecimento - sequência - duração.


Semiologia das dores


· dar a localização exata na cabeça, corpo, membros etc.; lado direito ou lado esquerdo. Se permanece no mesmo local ou muda de lugar. Como isto acontece e para onde vai. Mencionar o local onde começa e para onde vai e como vai. Qual a sensação que a dor provoca e que efeito tem sobre o paciente; como se comporta en-quanto dura a dor. Que circunstância modifica a dor, aliviando, piorando ou terminando: horário, posição, quente ou frio. Como a dor vem e desa-parece. Passa de repente ou aos poucos?